Postos Galo

Bem-vindo aos Postos Galo

Dispositivo ajuda motorista a estacionar o carro


Postado por: Postos Galo em 06.08.2013
Publicado em: | Com as tags: postos galo tecnologia veículos park assist |
Dispositivo ajuda motorista a estacionar o carro

Quem nunca passou por um aperto na hora para estacionar o carro na temida baliza? Lançado pela Volkswagen em 2010, o Park Assist ajuda o motorista nessas horas. Por meio de uma série de sensores localizados nos para-choques dianteiros e traseiros, o sistema auxilia o condutor na hora da manobra.

Ao acionar o botão “park assist”, localizado no console do carro e ativar o sistema, esses sensores calculam o espaço e o tipo de manobra necessária para estacionar. Ao localizar um espaço compatível com o tamanho do veículo, um aviso é exibido na tela, localizada no painel do carro, com instruções para o início da manobra de acordo com a vaga encontrada.

Para iniciar o procedimento, o motorista precisa apenas engatar a marcha ré e acelerar o carro. O veículo toma conta da direção e executa as manobras com precisão. Em alguns casos, em vagas mais apertadas, o controle do park assist pode exigir a alternância entre marchas (ré e “D”), mas apenas isso. O volante é inteiramente controlado pelos sensores e estaciona o carro.

O sistema possui alguns dispositivos de segurança para o condutor. Por instinto, quando o carro começa a manobrar, o condutor tem como reflexo segurar o volante. A Volkswagen programou o park assist para desligar em caso de interferência humana ao volante. O sistema também é desativado caso o condutor ultrapasse a velocidade permitida durante a manobra, que é determinada em 7 km/h pela fábrica.

Recentemente, o park assist foi atualizado para ajudar o condutor a estacionar em vagas perpendiculares, o que não era feito no primeiro. Ao avistar a vaga, o condutor aciona o botão e o carro manobra somente com o auxílio do condutor nos pedais. Este opcional é encontrado apenas na linha premium da marca.

Fonte: Meu Automóvel - Terra
 

blog comments powered by Disqus